Aracnofobia é o pavor de aranhas, agorafobia significa o medo de espaços abertos, claustrofobia de espaços fechados. Mas você sabia que existem medos comuns que também possuem nomes científicos de ‘fobias’? Claro que, quando são nomeados desse jeito, significam um medo mais forte, quase irracional, do que está sendo descrito.

Confira a lista abaixo – quem sabe você também não sofre de uma fobia destas?

 

1. Anuptafobia

O medo extremo de ficar solteiro para sempre.

2. Atazagorafobia

Medo de ser esquecido, ignorado ou abandonado. 

3. Blenofobia

Medo de qualquer coisa viscosa

4. Gelotofobia

Medo de ser motivo de piada

5. Gerascofobia

O medo de envelhecer

7. Helenologofobia

Um medo meio hipócrita. Ele significa o medo de terminologias complicadas inspiradas pelo grego. Ou seja, a pessoa que sofre disso tem medo até de dizer que é um helenologofóbico.

8. Cacorrafiofobia

O medo do fracasso – tipo o que você vai enfrentar tentando pronunciar ‘cacorrafiofobia’ certinho logo na primeira tentativa.

9. Locquiofobia

Se você não sofre desse, provavelmente é um homem. O termo significa o medo do parto.

10. Macrofobia

O medo de longas esperas. Como uma visita ao banco. Ou da fila do bandejão.

11. Metatesiofobia

Medo de mudanças.

12. Nictohilofobia

Medo de florestas escuras à noite.

13. Obesofobia

Medo de ganhar peso.

14. Oftalmofobia

Medo de ser encarado fixamente.

15. Politicofobia

Uma irritação maior do que a normal com políticos.

16. Singenesofobia

Medo de seus parentes – dezembro deve ser a pior época do ano para estas pessoas.

17. Catsaridafobia

Medo de baratas

18. Cleptofobia

 Medo de ser roubado

Fonte: Revista GALILEU

Posts relacionados: