Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) Archive

Blogueira Karol Pinheiro dá dicas para lidar com a ansiedade

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Conhecida por suas matérias sobre beleza e comportamento, a blogueira Karol Pinheiro decidiu abordar o tema ansiedade em um dos vídeos de seu canal no YouTube. A jornalista contou que foi diagnosticada com TOC na infância e que recentemente passou por um tratamento que incluía terapia e medicação após sofrer ataques de pânico. Assista:

Uma análise sistemática e psicológica sobre o TOC – Transtorno Obsessivo Compulsivo – numa visão espiritualista e holística do ser

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
José Geraldo Rabelo ,Especial para Opinião Pública “O Ser real é constituído de corpo, mente e espírito. Dessa forma, uma abordagem psicológica para ser verdadeiramente eficaz deve ter uma visão holística do ser, tratando de seu corpo (físico), de sua mente (consciente, inconsciente e subconsciente) e de

Por que rituais causados pelo transtorno obsessivo compulsivo não podem ser ignorados

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
As pessoas com TOC sabem que suas ações e pensamentos não são realistas, mas não conseguem evitar esse comportamento  por Jane E. Brody, The New York Times Foto: Lisa Haney / NYTNS No filme Melhor É Impossível, de 1997, Jack Nicholson interpreta Melvin Udall, um homem de meia-idade

Sentimentos de culpa na infância podem estar ligados a doenças mentais

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
The Huffington Post  |  De Carolyn Gregoire   A culpa excessiva é um sintoma conhecido da depressão adulta, mas um novo estudo indica que tais sentimentos na infância podem prever doenças mentais futuras, incluindo depressão, ansiedade, transtorno obsessivo-compulsivo e transtorno bipolar. A ligação parece centrada na ínsula