Uma garota com fobia alimentar tem vivido sob uma dieta à base de batata frita e queijo por cinco anos. Ela conta que qualquer outro tipo de alimento a deixa enjoada. As informações são do site do jornal britânico Daily Mail.

Foto: The Grosby Group

Foto: The Grosby Group

Jennifer Radigan, 17, mora em East Ayshire, na Escócia, e diz que não aceita carne ou vegetais, abrindo exceção, às vezes, somente para massa ou batatas cozidas. A fobia começou cedo, e ela se sentia envergonhada na escola, então passava fome. Com uma condição chamada Transtorno Alimentar Seletivo, também passou a mentir para os pais.

Ele causa ansiedade e náuseas quando a pessoa é apresentada a novos alimentos, o que a torna mais propensa à perda de peso e à desnutrição. Jennifer frequentemente também desmaia em público, já que pesa pouco mais de 40 quilos, distribuídos em 1,52 metros.

Ela conta que antes conseguia comer frango, mas, agora, o cheiro causa enjoo. “Acho que quanto mais velha eu fico, menos alimentos consigo comer”, afirma, acrescentando que não é qualquer tipo de batata frita que come – tem que ser as congeladas, de uma marca específica, assadas no forno.

Jennifer lamenta que o transtorno afeta o seu dia a dia. “Não tem um dia que eu não me sinta exausta.”

Atualmente, ela passa pela análise de um especialista e deve ser encaminhada à terapia mais indicada às suas necessidades. Ela afirma que têm medo dos alimentos que não pode comer, e, como pretende entrar na universidade, teme desmaiar na frente das pessoas. “Esperamos que um bom diagnóstico possa me ajudar com a terapia que preciso”, disse.

3transtornoseletivobatatafritagrosby

Foto: The Grosby Group

(Via Terra)

Posts relacionados: