dirigir

Você sabe o que é amaxofobia? Embora o nome pareça estranho, o medo de dirigir é familiar para muitas pessoas. Os sintomas são diversos e o resultado é um só: carteira de habilitação no bolso e carro na garagem. A psicóloga Neuza Corassa, autora do livro Vença o Medo de Dirigir, da editora Gente, explica que existe diferença entre o medo saudável, que é natural em recém-habilitados, por exemplo, e o medo excessivo que impede as pessoas de tirarem o carro da garagem.

Ela explica que há características comuns a quem apresenta esse tipo de fobia: geralmente são pessoas inteligentes, sensíveis e que não gostam de receber críticas. Outro aspecto é que cuidam mais dos outros do que delas mesmas.

O medo também se traduz em reações físicas. Ao planejar sair com o carro, o condutor dorme mal, sente tremedeira, tem transpiração excessiva e taquicardia.

Confira os depoimentos de internautas que têm medo de dirigir

A psicóloga lembra ainda que o processo para lidar com esses medos é demorado e exige paciência. Dependendo do grau, é essencial pedir ajuda a profissionais especializados. Os medos mais comuns, conforme ela, estão relacionados ao trânsito intenso, reações dos demais motoristas, manobras e rampas.

A especialista em psicologia do trânsito Maristela Barp realizou uma pesquisa, entre outubro de 2012 e fevereiro de 2013, com oito mulheres que tinham fobia de dirigir. Ela constatou que os motivos que levam à amaxofobia são diversos e podem estar relacionados à pressão social do companheiro e/ou de familiares; ter sofrido um acidente traumático, mesmo sendo condutor ou caroneiro; acomodação e falta de paciência do instrutor que acaba não passando confiança.

— Traços pessoais também estão associados à amaxofobia como ansiedade, nervosismo, insegurança, medo do marido e filhos e medo de machucar alguém.

O medo de dirigir atinge 6% dos motoristas brasileiros

Para sanar essas limitações, muitos procuram os treinamentos para habilitados, que costumam oferecer além das aulas práticas, acompanhamento psicológico. Os trajetos finais geralmente são feitos com o carro do aluno. Conforme o especialista em trânsito e fundador da Dirigir Bem – Treinamento para habilitados, Maurício Evangelista, isso é importante para trazer a realidade dele à tona.

— O grande segredo é ter segurança. Dirigir é uma habilidade que precisa ser desenvolvida.

10 dicas práticas para vencer o medo

A psicóloga Neuza Corassa em seu livro Vença o Medo de Dirigir: como superar-se e conduzir o volante da própria vida, da Editora Gente, fornece 10 dicas práticas para superar problema.

1) Procure trabalhar sua respiração. O ansioso respira muito rápido e apenas com o tórax e não da forma correta envolvendo também o abdômen. De boca fechada, inspire lentamente pelo nariz e vá sentindo o ar chegar até os seus pulmões. Depois expire devagar pela boca.

2) Faça algum tipo de atividade física ou relaxamento muscular, para produzir endorfinas que irão neutralizar a química da ansiedade noradrenalina

3) Inicie uma aproximação com o carro dentro da garagem. Entre, ajuste o banco, sinta o espaço interno, ligue e desligue o veículo.

4) Ainda dentro da garagem, ligue o carro e faça pequenos movimentos para frente e para trás.

5) Dê voltas no quarteirão em horários sem movimento. Procure ruas tranquilas e que não tenham crianças.

6) No começo, escolha um ou dois trajetos. Isto evitará ansiedade.

7) Marque em sua agenda pelo menos duas vezes por semana para praticar o exercício de dirigir. Esta prática deve ser considerada como uma tarefa do dia a dia. O hábito diário fará você adquirir confiança.

8) Quando se sentir confiante, inicie trajetos maiores ou que tenham subidas e uma maior quantidade de veículos.

9) Não se assuste com os sintomas da ansiedade que se manifestarão no seu corpo: tremedeira, taquicardia, transpiração. Elas devem diminuir.

10) Dirija inicialmente para você. Não tente a provar nada para os outros.

A psicóloga Neuza Corassa lembra que em alguns casos mais graves é essencial procurar um profissional especializado.

Posts relacionados: