Meditação pode reduzir sintomas de depressão e ansiedade, diz estudo

1

A prática da meditação diária pode aliviar sintomas como ansiedade, depressão e dor. É o que mostra um estudo feito pesquisadores da Johns Hopkins University, nos EUA – publicado online em 6 de janeiro no JAMA Internal Medicine.

De acordo com o site Minha Vida, parceiro do Catraca Livre, os pesquisadores revisaram 47 estudos anteriores que analisavam o efeito da meditação sobre várias condições, incluindo abuso de substâncias, hábitos alimentares, sono, além de depressão, dores e ansiedade. O trabalho incluiu 3.515 participantes, muitos dos quais receberam cerca de 30 a 40 horas de treinamento em meditação consciente.

Foi encontrada melhoria variável entre 5% e 20% nos sintomas de ansiedade, depressão e dor em relação aos grupos placebo. A meditação era praticada normalmente durante 30 a 40 minutos por dia.

Aproveitando o resultado do estudo, o site publicou em uma página especial outros benefícios da meditação, segundo pesquisas de médicos e cientistas. A lista inclui: melhora as dores crônicas, mais atenção e controle das emoções, cérebro afiado e com mais neurônios, proteção ao coração e longevidade.

Saiba mais detalhes sobre os estudos na página do Minha Vida.

(Via Catraca Livre)

Posts relacionados:

%d blogueiros gostam disto: