marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Depressão não é sinônimo de tristeza Um estudo inédito no Brasil revela como as empresas lidam com a doença  Por: Cristiane Segatto   Acontece nas melhores e nas piores empresas. O colega é motivado, esperto, capaz de agir rápido. Encontra belas soluções para os maiores desafios e