o que fazer Archive

“Fobia não tem cura; é preciso aprender a enfrentar a situação”

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Psiquiatra Antônio Reiners afirma que fobias dos mais variados tipos assolam 20% da população Por Lislaine dos Anjos  Um medo persistente e irracional que assola pelo menos 20% da população em geral, a fobia é considerada uma doença psiquiátrica e, assim como qualquer outra, tem tratamento e merece atenção.

A ação cura a fobia. Liberte-se do seu medo!

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Conheça os principais tipos de medo: Medo equilibrante: é positivo porque nos protege diante dos perigos reais e nos alerta para o fato de cuidarmos com carinho do que temos e das pessoas que amamos para não perdermos. Medo destruidor: este tipo arruína nossos interesses, não contribui para

Depressão infantil: conheça os sinais, tratamentos e saiba o que fazer

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Por: Jaqueline Sordi As mudanças de comportamento de crianças e adolescentes podem ser os primeiros sinais de sérios transtornos psicológicos. Conheça os sinais, tratamentos e saiba o que fazer quando a criança é diagnosticada com depressão. (Via Zero Hora)

Saiba como lidar com a ansiedade na faculdade

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Não deixe que esse problema atrapalhe sua rotina! Confira dicas para contorná-lo Estudar pode ser a porta de entrada para bons empregos. É uma atividade fundamental para que os alunos tenham um bom rendimento na universidade. No entanto, aproveitar momentos de lazer é muito importanteo, já que o

Como superar o medo de dirigir?

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Por Andrea Alves Tremedeira, palpitação e frio na barriga são alguns dos sintomas de quem está nessa situação, diante do risco de mover um carro pelas ruas. Mas será que as coisas na vida não envolvem uma certa dose de risco e a necessidade de autoconfiança para

Realidade virtual e robótica são usadas para tratar medo de avião

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Por: Gabriel Alves | Via Folha de S. Paulo   “Meu corpo tremia, eu transpirava. A boca ficou seca e eu sentia meus batimentos se acelerarem. Achei que fosse morrer de infarto.” É assim que a psicóloga Mayla Pace descreve sua segunda viagem de avião, quando apresentou

No Divã do Gikovate: você tem medo de dizer “não”?

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
No dia 17 de fevereiro, o assunto da coluna “No Divã do Gikovate” da rádio CBN foi: ‘não consigo ir direto ao assunto, principalmente quando é algo ruim, como dizer não’. Ouça o áudio: Ou acesse o site para ouvir o comentário do Dr. Flávio Gikovate na íntegra. Sobre

Fobias que arruínam Férias

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
Há muitos medos que podem estragar as férias. Conheça-os na primeira pessoa e saiba como vencê-los. Há muitos medos que im­pedem uma pessoa de aproveitar as merecidas férias. Você sabia que existem pessoas quem se recusam a viajar para Veneza por causa das baratas? Ou que há quem rejeite uma viagem

Quando o medo vira doença: veja a história de pessoas que têm fobia de animais

marinaknobl

Aos 23 anos, Marina já passou pelas redações Globo Rural e GALILEU e também pela Comunicação Corporativa da Editora Globo durante o Programa de estágio. Atualmente é assistente editorial da GloboPress. Apaixonada por tecnologia, psicologia e temas curiosos como a Fobia, pretende atuar na área de jornalismo científico, escrevendo sobre saúde e bem-estar.
A Grande Reportagem, do Domingo Espetacular, mostra história de pessoas que tem um medo incontrolável de animais, até mesmo dos mais inofensivos, e como elas superaram o trauma.   (Fonte Record)